Sexo ou Sono?

Fizemos uma pesquisa com nossas mulheres sobre o tema acima. E vejam: 78% optaram por sono. 75% disseram que preferem dormir 5 minutinhos mais a fazer sexo de manhã. As solteiras disseram que se divertir sozinha é possível sim! E um sexo bem demorado no final de semana se mostrou mais interessante pra 83% que uma rapidinha antes de dormir na semana.

O que vocês têm preferido, ficar mais um pouquinho na cama ou fazer aquele sexo relaxante, e tesudo, claro, das manhãs domingueiras? Estão tentando disfarçar e ir mais cedo para a cama para já engrenar num soninho reparador já que filhos, casa, comida, roupa lavada, trabalho “pra fora” (sim, porque o que citei antes não é trabalho é puuuuro prazer, né?) e ainda tentar ficar razoavelmente bem consigo mesmas para ter vontade de, digamos, fazer um amorzinho? (ah, o amor quanta coisa nós, mulherada louca, fazemos em nome dele? Ou deixamos de fazer?)

Ah, esqueci da menstruação, menopausa, TPM e o que mais, gurias? Bem, essas coisinhas que são “coisas de mulher”. Fico fula quando dizem “ah, isso é coisa de mulher”. Coisa de mulher pra mim é vagina, útero e ovários. E coisa de homem é pênis. Só. O resto precisa de cabeça, tronco e membros e um equilibriozinho básico da constituição humana.

As mulheres têm falado: não tá dando pra ser gostosa e, ao mesmo tempo, limpar vômito de bebê, ou passar a noite em claro cuidando daquela pessoa idosa da família que requer atenção. Sim, amores, quem mais cuida dos velhos são as mulheres. A vida tá mais baseada em fatos reais do que roupinha de rendinhas, lacinhos e rosinhas, sim, assim em “inho” porque não sei quem inventou isso. Coisa de filme, claro. Ah, como fazem isso nos filmes, aqueles sexo de pé, a mulher sendo segurada por um homem contra a parede?

Tá Fátima Regina, isso é outro texto. Foca, larga desse ascendente em peixes, voador.

Diante desse quadro, lindas do meu país, quem quer dar aquela trepadinha gostosa hoje à noite? Contem aqui, se esparramem, quem é que tá afim de sexo? E quem tá afim sono?

Compartilhe este Post

Deixe um comentário

você também pode gostar

O feminismo chegou ao puteiro

“Comecei a pensar o feminismo e a prostituição a partir de um olhar feminista” As qualificações de Monique Prada, trabalhadora sexual, escritora e ativista, não podem ser descritas em um

Leia mais »